FANDOM


Nossa Senhora das Graças, Nossa Senhora Medianeira de Todas as Graças, ou Nossa Senhora da Medalha Milagrosa teve duas aparições no ano de 1830. Na primeira delas, no dia 18 de Julho, escolhe sua mensageira, Santa Catarina Labouré, religiosa, das Filhas da Caridade, em Paris. Orando em um altar, Catarina ouve o conselho de sua Mãe Santíssima:

Vinde aos pés deste altar: aqui as graças serão derramadas sobre todas as pessoas que as pedirem com confiança. Elas serão derramadas sobre os grandes e os pequenos.

Nesse mesmo ano, em 27 de Novembro, Nossa Senhora aparece no mesmo altar àquela irmãzinha. É nessa data que Catarina recebe o encargo de propagar a devoção à medalha milagrosa que a própria Virgem Maria estabeleceu.

A invocação à Virgem das Graças Editar

A própria medalha contém as palavras por que a Santa Mãe de Deus quis ser invocada:

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a Vós.

Essa inscrição já sintetiza boa parte da mensagem que a Virgem Mãe revelou:

1 - a Imaculada Conceição, pela primeira vez revelada ao mundo, em 1858 ratificada em Lurdes, e transformada em dogma pelo Papa Pio IX, com a bula Ineffabilis Deus.

2 - a mediação da Mãe de Deus junto ao seu Divino Filho.

Usar essa invocação, portanto, significa acreditar que a Virgem das virgens é a Medianeira imaculada.

Simbolismo da Medalha Milagrosa Editar

  • A serpente: Maria aparece esmagando a cabeça da serpente. A mulher que esmaga a cabeça da serpente, que é o demônio, já estava predita na Bíblia, no livro do Gênesis: "Porei inimizade entre ti e a mulher... Ela te esmagará a cabeça e tu procurarás, em vão, morder-lhe o calcanhar". Deus declara iniciada a luta entre o bem e o mal. Essa luta é vencida por Jesus Cristo, o "novo Adão", juntamente com Maria, a co-redentoda, a "nova Eva". É em Maria que se cumpre essa sentença de Deus: a mulher finalmente esmaga a cabeça da serpente, para que não mais a morte pudesse escravizar os homens.
  • Os raios: Simbolizam as graças que Nossa Senhora derrama sobre os seus devotos. A Santa Igreja, por isso, a chama Tezoureira de Deus.
  • As 12 estrelas: Simbolizam as 12 tribos de Israel. Maria Santíssima também é saudada como "Estrela do Mar" na oração Ave, Maris Stella.
  • O coração transpassado por uma espada: É o Imaculado Coração de Maria, inseparável ao de Jesus: mesmo nas horas difíceis de Sua Paixão e Morte na Cruz, Ela estava lá, compartilhando da Sua dor, sendo a nossa co-redentora.
  • O M: Significa Maria. Esse M sustenta o travessão e a Cruz, que representam o calvário. Essa simbologia indica a íntima ligação de Maria e Jesus na história da salvação.
  • O travessão e a Cruz: Simbolizam o calvário. Para a doutrina católica, a Santa Missa é a repetição do sacrifício do Calvário, portanto, ressaltam a importância do Sacrifício Eucarístico na vida do cristão.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória